13 de fevereiro de 2015

60 - MASHA

60 por Carine Würch - SEMANA 37


Mary Muchin-Archer, mais conhecida como Masha, nascida em Kiev, na Ucrânia, estudou pintura e design gráfico em Nova York. Mais tarde, ela trabalhou como restauradora e professora do Museu Nacional do México e como designer de joias e roupas em Tucson e San Francisco

Foi nesta última cidade, onde se estabeleceu em 1967, que conheceu a dança. 

No campo da dança, Masha Archer era aluna de Jamila Salimpour e durante seu tempo como dançarina fez importantes contribuições para Estilo Tribal

A sua ideia de unidade entre os dançarinos desenvolveu o conceito de "tribo" e tornou-se a forma do grupo. 


Ela incluiu aos trajes os turbantes, as tatuagens, as joias tribais e as peças antigas, acessórios que se tornariam característicos do Estilo e permanecem válidas até hoje. 

Depois de dois anos e meio de estudo com Jamila, Masha deixou suas aulas e criou sua própria companhia de dança, Dance Troupe San Francisco, com o qual participou de vários eventos culturais. 

Ela sempre foi muito consciente de que estava tomando muita liberdade com a dança e suas raízes culturais, no entanto, acreditava firmemente que a dança que ela praticava era tão especial que merecia muito respeito. 

Este foi o último legado que ela ensinou às suas alunas, antes de se aposentar da dança para se dedicar a desenhar roupas e joias em San Francisco e Nova York. 

Site Oficial: www.masha.org

Masha Archer, sua aluna Carolena Nericcio e Rachel Brice no ATS Homecoming de 2015.

Postar um comentário