10 de dezembro de 2014

127 - REYNA ALCALA

127 por Carine Würch - SEMANA 28

Reyna Alcala, dançarina, coreógrafa, professora, foi apresentada a dança do Oriente Médio (dança do ventre), enquanto ela estava no colégio, por Jamila Salimpour, e também participou do seu grupo de dança, o Bal AnatEla também estudou Flamenco com cigana espanhola Rosa Montoya, bem como com vários professores de dança na Espanha. 
Sua capacidade de melhorar uma forma de uma dança com seu conhecimento sobre a outra, a distingue no mundo da Dança Oriental. Reyna tem o orgulho de ter sido um membro do lendário Ibrahim Farrah Near East Dance Company, com quem ela se apresentou no Carnegie Hall, Avery Fisher Hall, Warren Theater e no Teatro Merkin. 

Seu domínio das duas formas de dança: Dança Oriental e o Flamenco / Dança Espanhola é evidente no revival do Man of La Mancha no The Paper Mill Playhouse. A beleza e expressividade dos movimentos de mãos e braços tem hipnotizado todo seu público. Além de dançar em palcos extraordináorios, Reyna Alcala dançou no teatro ao longo de sua carreira, uma experiência que tem aproveitado, pois usa sua capacidade bem afinada, de responder com toda a força do seu poder físico, as sutilezas e nuances da música árabe. Dançou em ambas as casas noturnas Bagdad e Casbah na Broadway, em Sao Francisco, CA e foi capa do álbum gravado "Bagdad Cabaret". Importante dizer que os estudos e performances de Reyna se estendem além das fronteiras dos Estados Unidos: México, Espanha, Grécia, Turquia e Egito.

"Reyna Alcala é uma dançarina única, no mundo global da dança, hoje em dia. Ela é uma dançarina oriental, que também é tecnicamente proficiente em Flamenco / Dança Espanhola. Uma combinação perfeita para aqueles interessados na fusão dessas duas culturas importantes ". Mariano Parra, principal expoente de Flamenco na America.



Fonte:
** Tradução livre - Carine Würch **


Postar um comentário