6 de novembro de 2014

161 - BARAKA


161 por Carine Würch - SEMANA 23


Baraka é uma talentosa dançarina e professora de dança oriental, com mais deis de 30 anos de atuação, sob seu cinto cintilante.


Biografia 

Vivaz, elegante, comovente, forte - muitos adjetivos foram aplicadas ao estilo único de Baraka de Dança Oriental. Quer dançando cabaré egípcio ou o clássico tribal californiano, que se originou com sua mentora, Jamila Salimpour, ela traz sua própria interpretação para esta mistura. Com uma vida dedicada a formação em dança e artes, Baraka tornou-se um dos nomes mais conhecidos em os EUA, procurada como um instrutora de workshops em todo o país. Ela se tornou conhecida nacionalmente após vencer o Miss América Bellydance Contest, em 1994. Tanto ela, quanto seus alunos já ganharam inúmeros prêmios em concursos de todo o oste Norte-Americano.


Baraka começou a se apresentar em 1974, em clubes do Oriente Médio em toda a Bay Area, e teve uma carreira ativa como bailarina solo de destaque durante os anos 1980 e 90, em tais estabelecimentos notáveis ​​como Pasha, Scheherezade, as Pyramids, e Petra, onde se encantava em trabalhar com os melhores músicos em São Francisco.



Ela se apresentou com Bal Anat (tanto o original '74 -78 e na reunião '91) e suas muitas ramificações, foi um membro de longa data da Hahbi'Ru Dança Ensemble com John Compton, e pode ser vista apresentando sua dança da espada em ambos os vídeos Hahbi'Ru, "Desert Wanderers" e "Hahbi'Ru Live".

Ela também é destaque no vídeo de muitas competições e seminários, incluindo Southern California International Belly Dance Competition (1993 e 1994) e Belly dancer of The Year (1993), Wiggles of the West 1, 2 e 3 (1996-1998), Tribute to No. 1 para Ibrahim Farrah (1995) e Festival no Nilo XIII (1997).



Depois de um grave acidente em 2000, que resultou em traumatismo cerebral e perda de seu equilíbrio, Baraka se aposentou da dança, para seu desalento. Nos anos seguintes, ela trabalhou com um massagista talentoso e um excelente quiroprático para melhorar sua saúde. Após a morte de John Compton, em outubro de 2012, ela voltou a dançar com Hahbi'Ru em várias performances comemorativas em sua honra, e ficou encantada ao descobrir que ela podia voltar a dançar, embora com algumas limitações, e agora considera um retorno ao ensino de alguma forma.



** Tradução Livre - Carine Würch **
Postar um comentário