18 de outubro de 2014

180 - YASMELA-SHELLEY MUZZY

180 por Maria Carvalho - SEMANA 20

Então, sobreviveu as perturbadoras ponderações de Yasmela?
Sim? Buenas, então...sabe o que ela disse sobre o ATS não se conectar com a plateia ficou na minha mente, pq comigo ocorre o contrário.

Ontem fui a um work de flamenco e cada vez mais observo como há claras influências desta arte no ATS, a madrilenha nos fez tirar o sapato, sentir o solo, pegar a ginga e então disse: "Isto é Flamenco, você pode não ter uma técnica apurada, mas se tem isso, você é flamenca."

Parafraseando, o ATS pode não ter a exata cara das danças folclóricas do oriente, pode não ter as pernocas de fora, pode não invocar passos e mais passos do baixo ventre, mas quando nos agregamos em uma roda e os snujs começam a tilintar nos ouvidos, isso é uma tribo. Lilililililili - iiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii

Continuaremos trazendo as visões que destoam, as críticas, creio que nos faz pensar e crescer enquanto estudiosos do ATS. Muitas perguntas para tia Carolena, kkkkkkkk... afinal não basta aprender os passos tem que entender a razão de tudo.

Xeros e vamo que vamo.

Postar um comentário