13 de outubro de 2014

185 - YASMELA-SHELLEY MUZZY

185 por Carine Würch - SEMANA 20


Yasmela - Shelley Muzzy, começou a dançar em 1972 como aluna de Jamila Salimpour em São Francisco. 

Dançou também como membro da companhia de dança de Nakish, antes de deixar a área de São Francisco para viver em Bellingham, Washington. 

Em 1974 junto com a colega de turma Jamila, a dançarina Cecelia Comartin (Cassima), fundou a Bou-Saada Dance Troupe usando como modelo o Bal Anat de Jamila Salimpour. Bou Saada, composto por 5 bailarinos, 3 músicos, e um roadie, viajou a Costa Oeste, Canadá, Wyoming, Montana e Idaho, em um ônibus de turismo com um sistema de som, palco e iluminação profissional por cerca de 10 anos. Ao mesmo tempo, Yasmela continuou seus estudos de dança com Rhea, e Aisha Ali. Ela começou um estudo intensivo da cultura do Oriente Médio e Norte da África na Western Washington University / Fairhaven College e recebeu sua graduação em História e Pesquisa com ênfase na dança e música dessas áreas em 1981. 


Enquanto no Bou-Saada Dance Troupe, Yasmela desenvolveu suas habilidades no ensino, coreografia e instrumentação. Como o esforço coletivo, os membros Bou-Saada desenvolveram habilidades em todos os aspectos de desempenho, incluindo as habilidades técnicas necessárias para a produção de um espetáculo profissional.

Com a instrução especializada de professores, tais como Aisha Ali, Mardi Rollow (AMAN Folk Ensemble), Nakish, Rhea e Jamila, Yasmela desenvolveu um estilo único de dança com concentração em danças tradicionais étnicas do norte da África, incluindo a Tunísia e Marrocos, e da dança da Ásia Central e seus estilos musicais. 












Yasmela
foi escritora para a original Revista Habibi e colaboradora para a Arabesque Dance Magazine através das décadas de 1970 e 80. Aposentou-se das apresentações em 1990, mas continuou a ensinar, e finalmente se aposentou do ensino regular em 2010. Yasmela continua a escrever sobre dança e atua como mentora e treinadora de atores ativos. De seu estúdio no noroeste, ela desenha jóias a partir de componentes antigos e étnicos e cria roupas e figurinos inspirados no estilo asiático,a partir de seus próprios padrões, seguindo os preceitos do Slow Clothes Movement. Hoje em dia está trabalhando em um livro sobre a Bou-Saada Dance Troupe, um romance sobre o Verão do Amor, e contribui regularmente peças para pequenas publicações de imprensa. 


FONTES:
** Tradução livre: Carine Würch **

Postar um comentário